2014 em notícias: Barómetro Escola de Jornalismo ISCTE-IUL

Dezembro 26, 2014 • Jornalismo • by

Grandes escândalos financeiros e políticos e futebol rivalizaram com as questões fundamentais do Estado no destaque noticioso. Esta é a conclusão do Projeto Jornalismo e Sociedade, que analisou mais de 800 grandes temas que foram notícia durante 2014.

As três empresas portuguesas com mais notoriedade (BES, PT e TAP) destacam-se no Top 20 pelo seu envolvimento em processos conturbados.

Entre os grandes temas de preocupação social, o destaque vai para as questões da anormalidade que envolveu o Estado nas áreas da educação e justiça, em especial devido ao processo de colocação de professores e ao Novo Mapa Judiciário. Curiosamente, foi um ano calmo na saúde e na administração interna.

Na política nacional destacaram-se a Troika, os problemas com o Orçamento de Estado e a disputa pela liderança do PS.

O tema de todas as conversas, o tempo, teve visibilidade no top 10 das notícias, e o futebol ocupou duas das cinco primeiras posições.
No mundo, o Médio Oriente esteve presente através de Gaza e o Estado Islâmico/Síria, o drama do ébola foi marcante e o regresso da guerra à Europa, na Ucrânia, marcou também o ano noticioso.

Curiosamente, nem a comemoração dos 40 anos do 25 de Abril, nem a discussão sobre o aumento do Salário Mínimo conseguiram um lugar no top.

tabela ejo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imediatamente fora estão:

tabela 2

 

 

 

 

Estas foram as 20 notícias mais repetidas durante 2014, em posição de destaque jornalístico, de entre mais de 800 temas noticiosos identificados pelo Barómetro de Notícias da Escola de Jornalismo do ISCTE-IUL. A análise considera as notícias mais proeminentes na imprensa generalista diária, impressa e online, e nos noticiários de rádio e TV generalista.

Dados da amostra:
15543 notícias analisadas
815 temas noticiosos identificados
4851 notícias analisadas na Imprensa
3776 notícias analisadas na TV
3666 notícias analisadas na Web
3250 notícias analisadas na Rádio

O Barómetro de Notícias é desenvolvido no âmbito do Projecto Jornalismo e Sociedade (PJS) pelo Laboratório de Ciências da Comunicação do ISCTE-IUL. É coordenado por Gustavo Cardoso, Décio Telo, Miguel Crespo e Susana Santos. A codificação das notícias é realizada por Lethycia Wust, Rute Oliveira e Tatiana Ribeiro com o apoio de Anabela Carrazedo.

Apoios ao PJS: IPPS-IUL. Esc. de Jornalismo ISCTE-IUL, Fundação Calouste Gulbenkian, FLAD, EDP, Marktest, LUSA, OberCom e Público.

Créditos foto: artisrams, sob Licença Creative Commons

Print Friendly, PDF & Email

Send this to friend